Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Humor’ Category

Hoje, no intervalo da aula, algumas meninas vieram brincar comigo: “eu ganhei baaa-laaa, você nããã-ããão, porque eu sou mulhééé-ééér!”

Argumentei que isso é injusto, pois eu não tenho um dia específico. Não vale contar: aniversário, pois cada um tem o seu; dia dos pais, porque não sou pai e há o dia das mães; e nem sou gay pra comemorar o dia do orgulho gay. Além disso, nenhum outro dia eu ganharia bala de um desconhecido… e elas não, sabe? Então, fiz cara de bravo pra elas sumirem da minha frente.

Brincadeiras de lado, vocês sabem por que desde 1975 comemoramos, digo, comemora-se o Dia Internacional da Mulher? Dizem que, em 8 de março de 1857, houve uma manifestação em Nova Iorque (Nova York, New York, NY, vocês entenderam) em que operárias da indústria têxtil reivindicaram melhores salários e condições de trabalho. Daí, as Nações Unidas escolheram 8 de março para representar a luta e as conquistas sociais, políticas, econômicas e, enfim: a (luta pela) liberdade e igualdade feminina.

Mas eu acho que algumas pessoas se aproveitam dos pontos fracos das mulheres para fazê-las sofrerem… E olha que não estou falando aqui de violência, abusos… Não. O que observo é que algumas mulheres são escravas da moda. E dá pra ver, digo…, é possível perceber (sem dar) como algumas sofrem com isso!

Foi vendo algumas imagens do sofrimento feminino que resolvi parabenizá-las, aqui. Porque mulher sofre!

Seguem algumas fotos da 82ª cerimônia do Oscar (o blog Pangés é cultura, aprenda a dizer 82ª: octogésima segunda!). Escolhi as imagens a dedo, pra não carregar demais o post!

(mais…)

Read Full Post »

Você já jogou Mario? Sim? Já parou pra pensar o que seria de você, na pele dele, dando cabeçadas em tijolos?

Mario (por: ElDarkoDisko)

Mario (por: ElDarkoDisko)

E em algum jogo de guerra, ou mesmo num GTA, carregando várias armas?

GTA IV (por: Mischa)

GTA IV (por: Mischa)

Pois é! Vi essas imagens, do site Cracked.com, no Game Repórter.

A lista completa você pode conferir clicando em qualquer das imagens escolhidas a seguir. O Cracked.com regularmente propõe campeonatos entre os leitores, como esse. Bem bacana, vale a visita!!!

Vamos começar a minha lista com um clássico: PacMan! O bichinho papa-tudo, pega bolinhas e fantasmas. E se der um revertério?

Pac Man (por: Hasselhoff)

Pac Man (por: Hasselhoff)

Guitar Hero é muito difícil? Cinco botões em uma mão e, na outra, uma “corda”, um especial e uma alavanca? Só? Então vai tocar uma guitarra de verdade… Isso aí que nível de dificuldade: extraordinário???

Guitar Hero (por: nicknosh)

Guitar Hero (por: nicknosh)

Queria ver também a continuação desse aí… Acho que o bichinho iria ficar desacordado com a pancada na cabeça. Ah, e imaginem um Snorlax espremido na bolinha, haha?

Pokémon (por: cockboner)

Pokémon (por: cockboner)

Depois de muita luta no primeiro round… lá vai!

Street Fighter (por: darrenjames140)

Street Fighter (por: darrenjames140)

E o melhor de todos, pra mim, em Zelda:

Zelda (por: GundamPanda)

Zelda (por: GundamPanda)

Read Full Post »

Campo Minado; nível experiente. Vitória na 104ª tentativa!

Campo Minado; nível experiente. Vitória na 104ª tentativa!

Gostaria de dedicar meu título:

·

– aos porcos, por darem seu nome a uma gripe, numa tentativa alucinada de diminuir a procura pelos seus torresmos;

– à maioria de meus colegas de classe que, sabiamente, estão seguindo a recomendação do governo estadual e se resguardando em casa até, pelo menos, o dia 10, afim de evitar, além da proliferação do vírus da gripe A(H1N1), a fadiga;

– aos antigos contratos do estágio, que tiveram de ser refeitos, impossibilitando a volta ao trabalho nesta semana;

– ao meu pai, minha mãe e a você, Xuxa.

Só assim pude dedicar tanto tempo a um campeonato deste nível, eu contra eu mesmo.

Obs.: Se eu venci na 104ª (centésima quarta) tentativa, então meu eu-adversário (meu lado mau?) venceu 103 vezes? Puxa, parabéns!!!

·

Obrigado pela oportunidade de compartilhar esta conquista!

Read Full Post »

Em festa surpresa de aniversário, o aniversariante é penetra!!!

·

© (idéia original: Rodrigo Honório) ®

·

·

·

– SURPRESAAAA!!!

– Puuuuuxa! Obrigado!!! Que bolo lindo!

– Sai fora, esse bolo é nosso. Aliás, quem é que te convidou???

Read Full Post »

Quantas vezes você, em uma ocasião não muito favorável, disse que “nem pagando” faria determinada coisa? Isto é: nem que lhe pagassem você se submeteria a fazer aquilo! Trabalhar de meia-noite às seis? Nem pagando! Pegar lotação às seis da tarde? Nem pagando! Vestir a camisa do Atlético? Nem pagando! Ouvir pagode? Nem pagando!!! Mas…

Quem diz isso, é porque separa as coisas que faria ou não faria em três grupos, que são:

 

Grupo 1: coisas que faço por livre e espontânea vontade;

Grupo 2: coisas que só faço se me pagarem;

Grupo 3: coisas que nem pagando eu faço.

 

Ou seja, pressupõe-se que aqueles que encaixam algumas de suas ações cotidianas no terceiro grupo, também separam outras nos grupos 1 e 2. Da mesma forma acontece com aqueles que não ligam muito para o dinheiro: ao invés de dizer “nem pagando”, dizem “nem a pau”.

Ehrr… apesar de tudo, analisemos.

Quem diz coisas tipo “nem a pau eu pago tudo isso”, ou “não converso com fulana nem a pau”, deixa claro que, fora essas frases típicas do grupo 3, também encaixa algumas ações do seu cotidiano no grupo 2. Assim sendo, há, para essas pessoas, aquelas coisas que ela “só faz a pau”. Ou essa pessoa é masoquista ou…

É melhor passar para outra classificação dos “nem”: os “nem fodendo”!

Quer dizer que, fora aquelas coisas que você faz por livre e espontânea vontade e aquelas que nem fodendo você faz… têm as outras que você só faz se te foderem??? Vejamos algumas comparações:

Se você diz: “não vou ficar pra essa aula chata nem fodendo” (grupo 3), então pode-se supor que, noutra situação, você dirá: “só fico pra essa aula chata se me foderem” (grupo 2).

Ou, começando pela ordem inversa, num caso complicado de entender, alguém diz: “só fodo essa baranga fodendo!” (grupo 2), que é uma frase completamente lógica, até redundante, ao ponto de não ser necessário dizê-la. Mas essa pessoa possivelmente diria, numa situação parecida: “não fodo aquela baranga nem fodendo…” (grupo 3), o que geraria incompreensão demais pra minha capacidade de compreensão.

 

E aí: o que você não faz nem fodendo, nem pagando, ou nem a pau?

E o que você só faz se te pagarem, te derem pauladas ou te foderem?

Read Full Post »

Toca aí

Sexta-feira, dia 24 de abril de 2009. Estava em horário de trabalho, mas ele parecia ter tirado uma folga. Nenhum e-mail, telefonema ou presença (in)esperados.

Ler notícias, ver fotos, blogs… ah, e o computador começa a ficar chato. Momento ideal de sair, esticar as pernas e sentir o ar (condicionado) de outro ambiente.

Banheiro

No mesmo prédio, trabalham os futuros jornalistas e publicitários que, em breve, terão seus trabalhos amplamente conhecidos. [sonhando!]

Não sei se os futuros publicitários veem as publicações feitas no andar de baixo, mas desde cedo nós vemos o trabalho deles. Ações bem planejadas, admito.

Desta vez, entrei no banheiro e lá estavam uns papéis em locais onde não há como não olhar. “Bem pensado…!”, falei sozinho.

Zíper, alívio.

No meio da “aliviada”, começo a rir. A risada aumenta mais ao pensar o que iriam pensar se me vissem naquela situação rindo daquele jeito – sorte que ninguém apareceu!

Hora de voltar pro trabalho. “Puxa, eles foram criativos colocando esse duplo sentido aí!”

Mas parece que não foi essa a intenção deles. O humor veio de brinde, mesmo.

Documentando

Alguns dias depois, voltei ao banheiro para tirar a foto e registrar aquela pérola. O equipamento utilizado foi a microcâmera super discreta da srta. Dayse (obrigado!).

A emoção de bater uma foto nunca foi igual. Foi mais ou menos… “pu*a mer*a, tomara que ninguém me veja ajoelhado batendo uma foto dentro do banheiro!!!”

Chega de historinhas… Segue a obra de arte para vocês!!!

Legenda

No meio da “aliviada”, começo a rir. Mas o humor veio de brinde...!

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: